70-410 MB2-703 200-120 70-461 C_TADM51_731 300-320-dumps sy0-401-dumps 210-065-vce pw0-071-practice-test 200-120-ccna-cost c_hanaimp142-dumps 77-427-exam 9l0-066-pdf sale-C9560-503 a00-211-pdf 070-331-dump 352-001-pdf 1z0-047-pdf h12-224-dumps og0-093-dumps-free 400-101-dumps 1v0-605-pdf sale-C2090-620 1z0-242-pdf 70-470-exam 1z0-520-dumps-free-download ex300-exam 070-346-exam 100-101-practice-exam jn0-360-dumps-free-download jn0-692-exam s10-300-dumps 648-232-vce 1z0-599-free-dumps ns0-101-answers 070-412-dump 210-260-vce e20-891-exam sale-70-210 n10-006-pdf ahm-510-certification 220-010-exam 1z0-052-practice-test 700-505-exam sale-C2090-632 700-501-exam n10-005-pdf 70-981-exam 200-101-practice-exam 1z0-060-dumps 642-997-vce C2170-051 C2010-570 3I0-008 ex200-dumps ex200-exam-questions 070-462-dumps 070-680 70-413 C4060-155 OG0-092 1Y0-400 200-101 70-332 98-367 C2020-180 MB6-872 648-232 312-50V8 1Z0-599 220-010 1Z0-052 700-505 C2090-632 700-501 N10-005 70-981 HP2-H35 98-361 070-323 1Z0-876 300-135 1V0-604 642-747 642-742 AX0-100 1Z0-808 OG0-023 ST0-306 C2090-558 JN0-694 S90-09A 300-207 3I0-013 TK0-201 1Z0-061 1Z0-883 HP2-H39 C_TSCM62_66 VCS-273 500-451 TE0-141 500-170 C2020-625 312-75 70-697 HP2-Z34 117-201 C_GRCAC_10 NS0-157 820-427 C_TSCM42_66 300-320-dumps sy0-401-dumps 210-065-vce pw0-071-practice-test 200-120-ccna-cost c_hanaimp142-dumps 77-427-exam 9l0-066-pdf sale-C9560-503 a00-211-pdf 070-331-dump 352-001-pdf 1z0-047-pdf h12-224-dumps og0-093-dumps-free 400-101-dumps 1v0-605-pdf sale-C2090-620 1z0-242-pdf 70-470-exam 1z0-520-dumps-free-download ex300-exam 070-346-exam 100-101-practice-exam jn0-360-dumps-free-download jn0-692-exam s10-300-dumps 648-232-vce 1z0-599-free-dumps ns0-101-answers 070-412-dump 210-260-vce e20-891-exam sale-70-210 n10-006-pdf ahm-510-certification 220-010-exam 1z0-052-practice-test 700-505-exam sale-C2090-632 700-501-exam n10-005-pdf 70-981-exam 200-101-practice-exam 1z0-060-dumps 642-997-vce C2170-051 C2010-570 3I0-008 ex200-dumps ex200-exam-questions 070-462-dumps 70-484 70-498 70-646 98-361 98-366 A30-327 C_BOE_30 C_TSCM42_66 C2010-597 C2020-632 C2020-701 C2020-703 C2040-408 C2040-988 C2070-581 C2150-195 C2160-667 C2180-274 C4040-226 C4090-453 CAS-001 CSSLP C-TERP10-60 E20-018 E20-918 JN0-360 MSC-321 P2080-088 PC0-001 PEGACSA-v6.2 3I0-012 500-051 640-875 640-916 642-427 642-647 642-691 650-663 700-037 70-247
Pubicado em: qui, dez 6th, 2018

Atlético-PR empata na Colômbia e agora define título da Sul-Americana em casa

Pablo marca logo no início do segundo tempo, mas Furacão toma empate minutos depois. Colombianos ainda perdem pênalti, e decisão fica toda para jogo na Arena da Baixada
  • Junior Barranquila Atlético-PR

    Junior Barranquila Atlético-PR (Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo)

    Em um jogo com o primeiro tempo tranquilo e o segundo cheio de emoção, Junior Barranquilla e Atlético-PR ficaram no 1 a 1, na noite desta quarta-feira, no primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana. A partida teve um início forte do time de casa, mas que não resultava em chutes a gol, enquanto o Atlético-PR só conseguia se defender. O vestiário mudou tudo e, no segundo tempo, Pablo fez aos cinco minutos para calar o Metropolitano, que entrou em combustão um minuto depois, quando Yony González empatou. O restante das emoções ficaram guardadas para o pênalti perdido pelo zagueiro Rafael Pérez, que mandou no travessão e as duas defesas de Santos nos últimos minutos, que garantiram o empate e a decisão na Arena da Baixada. Outro empate, e o jogo vai para a prorrogação e, se persistir, a decisão do título vai para os pênaltis.

    A partida começou em ritmo intenso no Estádio Metropolitano. No início, o Junior Barranquilla tentava pressionar, enquanto o Atlético-PR esfriava o jogo. Mesmo com mais posse de bola, o Furacão encontrou muitas dificuldades para encontrar espaços, esticou as bolas e não conseguiu sair da forte marcação dos colombianos. Os donos da casa dominaram o primeiro tempo, mas só foram chegar com perigo aos 29 minutos, depois que Díaz fez o giro na área e mandou por cima do gol de Santos. O Rubro-Negro até conseguiu controlar o jogo em alguns momentos, mas foi inofensivo ofensivamente.

    Junior Barranquila Atlético-PR Pablo Nikão

    Junior Barranquila Atlético-PR Pablo Nikão (Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo)

    Os times voltaram mais ligados no segundo tempo. Que o diga o Atlético-PR. Logo no início, Léo Pereira perdeu uma boa chance de cabeça. Aos sete, o Furacão encontrou o gol. Nikão puxou o contra-ataque e deu o passe para Pablo chutar de direita e abrir o placar no Metropolitano. Mas não deu tempo para comemorar. Logo em seguida, a zaga atleticana deu bobeira, Jonathan afastou mal a bola e Yony González aproveitou, deixando tudo igual. O Junior perdeu a chance de virar o placar aos 26 minutos, quando Rony cometeu pênalti em Gutiérrez. Para a sorte do Atlético-PR, o zagueiro Pérez chutou uma bomba no travessão, e o placar não mudou em Barranquilla.

    Junior Barranquila Atlético-PR Raphael Veiga

    Junior Barranquila Atlético-PR Raphael Veiga (Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo)

    O Furacão quase marcou o segundo gol aos 38 minutos do segundo tempo. De pé em pé, a bola ficou com Nikão, que acionou Bruno Guimarães no lado esquerdo do ataque. O volantte recebeu, limpou a marcação, mas demorou para finalizar e tomou um corte da marcação, desperdiçando a última boa chance para o Furacão. Do outro lado, o Junior assustou com Piedrahita, Ruiz e Barrera, que exigiram defesas de Santos.

    Junior Barranquila Atlético-PR Pablo

    Junior Barranquila Atlético-PR Pablo (Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo)

    Pablo encerrou um jejum de oito jogos sem gols no Furacão. O camisa 5 fez o gol que abriu o placar em Barranquilla, aos quatro minutos. Após lançamento de Nikão, o atacante dominou, invadiu a área e colocou nas redes do goleiro Viera, calando o Metropolitano de Barranquilla. Foi o 17º gol de Pablo, artilheiro isolado do time em 2018. O jogador saiu de campo aos 15 minutos do segundo tempo, com dores na panturrilha direita.

  • Junior Barranquila Atlético-PR

    Junior Barranquila Atlético-PR (Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo)

    O goleiro brilhou nos minutos finais da partida em Barranquilla. Aos 46, o camisa 1 fechou o ângulo e impediu uma finalização perigosa de Ruiz. Em seguida, Santos teve que trabalhar mais uma vez. Barrera soltou um pancada de fora da área, com muita força e rasteira, e o goleiro salvou o Furacão.

  • Com casa cheia, a torcida do Junior Barranquilla fez uma bonita festa para apoiar a equipe no Estádio Metropolitano. Na entrada dos times, os torcedores usaram fumaça e sinalizadores para recepcionar o “Tiburones”. Foram 33.795 pagantes e 38.094 presentes na primeira final.

    Curta nossa página no facebook: http://www.facebook.com/PortalSaibaMais


    Fonte: Globoesporte.com